quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Voo 2687 FALECEU O ANTUNES.










JOSÉ LUÍS ANTUNES

Barata,
É com muita mágoa que informo todos os companheiros e amigos da partida do nosso Companheiro José Luís Antunes, para muitos o "Tóino".
Mais um grande amigo que perdemos.
O Funeral realiza-se amanhã pelas 16h00 em Vila Chã de Ourique.

Em nome de toda a Tertúlia " LINHA DA FRENTE" apresento sentidas condolências á família.





segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Voo 2686 PARABÉNS JOÃO CARRILHO.








João Carrilho
2ºSargº.Mil.Melc/Inst/Av
V.F.Xira






Companheiro,
Em nome do comando e toda a Tertúlia “Linha da Frente” desejamos-te um dia muito feliz na companhia de todos os que te são queridos.

Voo 2685 CATIÓ DE OUTROS TEMPOS





Victor Sotero
SargºMôr EABT
Lisboa




O Victor Condeço foi furriel miliciano mecânico de armamento do Bat Art 1913,

 que esteve comigo e com alguns daqueles a quem estou a endereçar este trabalho, em Catió, no sul da Guiné em 1967. Anos depois reencontrámo-nos, mantivemos uma boa amizade mas doença grave vitimou-o em pouco mais de dois meses.
Deixou-me uma imensa saudade.
Partilhar convosco este trabalho é recordar o Victor, é recordar gentes e locais, é conversar convosco debaixo de um qualquer poilão.
Vejam e recordem apesar das fotos já terem perdido alguma qualidade.
Abraço


AlbumCatio_cMus.pps
19932K   Visualizar   Baixar  

Voo 2684 O MEU RECONHECIMENTO.








Victor Sotero
SargºMôr EABT
Lisboa




Poderia ser apenas um amigo.
Poderiam até ser dois amigos.
Mas não. Foram muitos os amigos que ontem se manifestaram no dia em que passou mais um aniversário. Por este meio, através de E-mails ou por telefone, quase todos com dois sentimentos comuns. "Feliz aniversário" "Boa saúde". A todos os meus amigos, com elevada consideração e estima, o meu sincero obrigado.
Até para o ano se Deus quiser.
Victor Sotero

VB:Bom Companheiro.
Nós temos a particularidade de te ter felicitado no dia anterior,23! Foi de facto um lapso do qual já foram apresentadas desculpas e para o ano vais ver que não vai voltar a acontecer.

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Voo 2683 QUE PENA TENHO DE NÃO ESTAR PRESENTE?







Fernando Castelo Branco
1ºSargº.MMT
Angra do Heroísmo
Terceira
Açores



AMIGOS


 TUDO tem o seu tempo e os seus limites.
 Deste lado do MAR, abraço-VOS, com "pena" minha não estar "presente" na VOSSA MESA.
 Espero que tenham-se portado bem e nenhum, "como era VOSSO costume", tenha levado o NÓ,(...esqueciam-se sempre do quarto/ultimo da travessa que depois lá tínhamos que chatear,no meu caso 2/69, o SOLDADO BOTAS para repor o que não suficiente tinha vindo da cozinha?!...)



 Quanto ás fotos, é para matarem saudades e verem que VÓS não estando cá, continuamos a guardar-VOS, "só"  o que ESTAS ILHAS DE BRUMA têm de bom, incluindo eu, com modéstia á parte....
 UM ABRAÇO e continuai com o VERDADEIRO ESPIRITO DE ESPECIALISTA lembrando SEMPRE OS QUE JÁ PARTIRAM, porque sentimos a falta DELES na formatura da VIDA.
Para os que "estão em manutenção", já são horas de parquearem junto a nós,sem "desenfianços", porque o caminho pela mata para a Vila da Ota, já custa mais e não sei se já se paga "desenfiagem"?!...
 Termino, pedindo á NOSSA PADROEIRA para que VOS ABENÇOE assim como ás VOSSAS DIGNISSIMAS FAMILIAS...
Fernando C.Branco

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Voo 2682 OPERACIONAIS DA MISSÃO AÇORES,EM NOVA MISSÃO EM AGUIAR DE SOUSA.









Manuel Pais
Esp.EABT
Porto





"QUANTAS VEZES NOS NOSSOS DIAS NOS FALTA O TEMPO
O TEMPO É COMO UM RIO, 
TU COMPANHEIRO NÃO PODES TOCAR A MESMA ÁGUA DUAS VEZES,
PORQUE A ÁGUA QUE PASSOU, NÃO PASSARÁ DE NOVO.
APROVEITA CADA MOMENTO DA VIDA ........
ENCONTRA O TEMPO PARA VIVER. "
Assim , comungaram os exploradores das ILHAS DA BRUMA  que a convite do nosso querido Amigo Manuel Batista , confraternizaram para relembrar a sua visita aos AÇORES.


Legenda: Uma das belas panorâmicas que este espaço nos deixa desfrutar.
Foto: Cortesia de Manuel Pais

Legenda: Um reencontro de 42 anos entre o João e o Feliciano
Foto: Cortesia de Manuel Pais

Legenda:  Aqui o Zé Gomes,á esqª conta uma história ao Magalhães(centro) e ao Costa.
Foto: Cortesia de Manuel Pais

Legenda: Dois dos elementos do comando presentes,o João Carlos e o Mário Aguiar(Dirª/Esqª).
Foto: Cortesia de Manuel Pais

Legenda: Dois dos grandes impulsionadores da congregação da família ESPECIAL,o Alves da Silva e o Paulo Castro,fundadores da AEFA.
Foto: Cortesia de Manuel Pais

Legenda: Ainda não tinha sido servida a refeição,pela cara deles...Da Esqª/Dirª,Carlos Ferreira,Vilhena e Magalhães.
Foto: Cortesia de Manuel Pais

Legenda: Nesta foto pode ver-se os veteranos Paulo Castro e Alves da Silva contando (certamente!) aos seus vindoiros João Carlos e Jorge Couto,os tempos difíceis porque passaram na sua caminhada.
Foto: Cortesia de Manuel Pais

Legenda:  Que teria o João Mesquita e dizer ao Manuel Pais para estar tão apreensivo  Bem,eu sei um é benfiquista e o outro portista?!...
Foto: Cortesia de Manuel Pais

Legenda: Uma simpática lembrança que oferecemos ao Batista para sinalizar a nossa estada na sua Quinta.Repare-se á sua direita o nosso VCC (velhinho como ...) Eduardo Rodrigues de 61(!).A sua presença é sempre contagiante através da alegria que nos transmite.
Foto: Cortesia de Manuel Pais

Legenda: Para a posteridade,aqui fica o grupo,Em cima da esqª/dirª. Manuel Pais,Paulo Castro,Alves da Silva,António Costa,Batista,Victor Barata,Armando Seguro,Vilhena,Magalhães,Feliciano Gouveia,e José.
Em baixo pela mesma ordem,Eduardo Rodrigues,José Gomes,Jorge Couto,Carlos Ferreira e Mário Aguiar.Falta o João Carlos,que estava a tirar esta foto e o Cesar Oliveira que por motivos particulares teve que se ausentar mais cedo.
Foto: Cortesia de Manuel Pais



Uma referência sempre lembrada para aqueles ESPECIAIS que nos proporcionaram a calorosa  receção . Um sempre muito obrigado ao ELMANO E FERNANDO CASTELO BRANCO.

Voo 2681 PARABÉNS SOTERO!








Victor Sotero
SargºMôr EABT
LISBOA







Companheiros.
Este nosso “familiar”completa hoje mais um dia de aniversário.
Em nome do Comando e restantes elementos desta Tertúlia “Linha da Frente”.desejamos-te um dia muito feliz e com rápido restabelecimento de saúde.

Voo 2680 ADEUS AMIGO!






Fernando Castelo Branco
1ºSargº.MMT
Angra do Heroismo
Terceira
Açores



Deste lado do MAR, em meu nome, da minha família e de outros companheiros pelos "quais" tomo a liberdade de representar, apresento á Família enlutada do SANTO ANTÓNIO, os nossos SENTIDOS PÊSAMES.

Com o espírito de OTA, mas com os olhos humedecidos pelo que li e que sei, porque até foi MMT,dá para RECORDAR: -" Senhor Oficial Dia, O SANTO ANTÓNIO não vem porque NOSSA SENHORA do AR chamou-o."
Até um dia AMIGO.


Fernando C.Branco

Voo 2679 FOMOS DAR A SAÍDA AO DIAMANTINO.







Carlos Nóbrega
Esp.MARME
Estarreja




Amigo Victor:
Sabia já que não era possível estares presente no último ADEUS ao nosso colega e AMIGO Diamantino, assim como a muitos outros que o gostariam de ter feito.
O momento de maior emoção terá sido por certo, o abraço do Menino à esposa e filhos do Diamantino no cemitério a comprovar tudo aquilo que nos vai na alma quando um de Nós........parte.
No entanto, acredita que todos estiveram representados e após as cerimonias e muito rapidamente,( pois havia  o regresso para Lisboa), fomos lanchar e fazer o PRIMEIRO brinde ao Santo António e a todos os ausentes que fazem desta AMIZADE a FAMÍLIA ESPECIALISTA.

Legenda: Aqui a representação da família ESPECIAL presente na despedida do Diamantino. Da Esqª/Dirª.Granier,Simão Amaro,Carlos Nóbrega,Manuel Lanceiro e Castro(Menino)
Foto: Cortesia do Carlos Nóbrega.

Ponderámos antes de enviar a fotografia, mas todos concordámos em o fazer, já que a Vida continua.
Um grande abraço do amigo
Nóbrega

VB: Efectivamente foi com grande mágoa minha que não me despedi do Diamantino, um dia justifico-lhe o porquê.
Louvo o brinde que vocês fizeram nesta partida do nosso Companheiro,ele certamente partiu para este seu último voo, acompanhado da Nª.Sª do Ar, com o registo da NOSSA atitude.Felizmente que temos quem represente os "ESPECIALISTAS DA FAP".
Até um dia Diamantino!

Voo 2678 LANÇAMENTO DA OBRA "NÃO SABES COMO VAIS MORRER".





Jaime Froufe Andrade
Cor,Ranger









O coronel ranger António Feijó (ex-comandante do CIOE-Centro de Instrução de Operações Especiais) irá apresentar a 4ª edição do livro de guerra "Não sabes como vais morrer", de Jaime Froufe Andrade, obra editada pela AJHLP-Associação dos Jornalistas e Homens de Letras do Porto, no âmbito da sua colecção "Memória Perecível".
Na oportunidade, o autor, que como alferes ranger cumpriu uma comissão de serviço em Moçambique, propõe-se fazer o ponto da situação relativamente às diligências desenvolvidas para localizar um antigo guerrilheiro da Frelimo capturado durante um golpe de mão e a quem pretende agora, mais de quatro décadas volvidas, abraçar e restituir o velho rádio a pilhas de que foi desapossado no momento em que era feito prisioneiro.
A sessão irá decorrer no próximo dia 26 de Janeiro (sábado), no salão nobre da Junta de Freguesia de Matosinhos (R. Augusto Gomes, 313) com início às 15h00, sendo moderada por Ivo Vaqueiro, antigo ranger sniper e contando ainda com a presença de António Parada, presidente daquela autarquia. 

Voo 2677 A PORTA 158.








Victor Sotero
Sargº.Môr EABT
Lisboa




Não são mais do que cento e cinquenta metros entre a enfermaria e a porta 158.
Saindo da enfermaria e virando logo à direita na continuação do corredor onde se encontram “estacionados” os “móveis” para transporte dos doentes mais debilitados, viro agora à esquerda onde o corredor se alarga para formar uma sala de espera. Estou entre os quartos e alguns gabinetes médicos.
Viro agora à direita e rapidamente me aproximo da porta com o numero 158.
Não preciso de bater!...
É uma porta “larga”.
Abro-a. Estou agora naquela que antes foi uma enfermaria mas que hoje é um local de acolhimento para os mais crentes. A Capela do Hospital da Força Aérea.
Na minha frente a “Cruz” por cima de um pequeno mas bonito altar todo em madeira.
À direita, o Santíssimo Sacramento com uma pequena luz eléctrica na parede imitando a chama de uma vela ardendo.
No espaço destinado aos fiéis, cinco lindos bancos corridos e em madeira.
Ao canto da sala, à esquerda e a meio da parede, com um lindo manto azul, com as mãos e os olhos dirigidos para o Céu, Nossa Senhora do Ar.
Mesmo atrás de mim está Santo António o padroeiro de Lisboa. Ao colo, o menino que segura a cesta com pão destinado aos mais pobres. Uma imagem em tamanho quase real!...
E é nesta pequena Capela que me recolho em oração.
Pela minha mente vão desfilando familiares e amigos, um a um, como contas do meu rosário.
Pelos meus amigos e pela minha família, o meu obrigado na ajuda aos dias menos bons que vou atravessando mas que com grande fé e determinação vou sabendo enfrentar sem palavras de ódio ou maldição.
A todos, sem olhar a quem, o meu obrigado.

V. Sotero


VB: Amigo Victor é com muita satisfação que te recebemos nesta magnifica aterragem como só tu sabes executar.
Congratula-mo-nos por saber que agora o factor tempo é que impera na tua recuperação, pois o resto já lá vai.
https://mail.google.com/mail/u/0/images/cleardot.gif


Voo 2676 O ÚLTIMO VOO DO DIAMANTINO.






Carlos Nóbrega
Esp.MARME
Estarreja








Caro Amigo:
O funeral do Diamantino, é amanhã(21) às 16H00, saindo da Casa da Junta de Freguesia de Beduído aqui em Estarreja.

VB: Agradecemos ao Nóbrega e ao Castro, a informação do falecimento deste nosso querido Companheiro, embora seja triste, não deixa de ser importante a sua comunicação a toda a família ESPECIAL, fundamentalmente aqueles que lidaram mais de perto com o Diamantino.
Por nós, lamentamos o atraso da notícia mas na realidade a nossa Base foi muito penalizada pelas condições climatéricas que se fizeram sentir durante o passado fim de semana.

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Voo 2675 AS CONDIÇÕES ATMOSFÉRICAS,NÃO NOS DEIXARAM VOAR.






Companheiros
Finalmente temos, julgamos ter, as comunicações retomadas na nossa Base.
Fomos atingidos por um “Strella” no passado dia 19, que nos imobilizou as comunicações até este momento (21:50h).
Pedimos as nossas desculpas, mas contra este inimigo não temos armamento que o combata.
Vamos retomar os nossos voos.

O Comando

sábado, 19 de janeiro de 2013

Voo 2674 ESTÁ DE LUTO A FAMÍLIA "ESPECIAL".








Ferreira de Castro
Esp.MARME   “Lobo Mau”
Vale de Milhanços

Amigo Barata 

Infelizmente cabe-me a mim ter que dar esta triste noticia.
Fui informado a coisa de 10 minutos pelo filho do meu querido, Santo António, que o pai tinha acabado de falecer.


Acabou por não ter alta, e ser operado, mas hoje teve que ser novamente operado e não aguento a operação
Ainda não sei quando irá ser sepultado, estando a espera que o filho me informe logo que saiba.
É mais um companheiro que perdemos, e eu em particular um, grande amigo e muito especial.
Que a sua alma descanse em paz 
Um Abraço
Menino  

VB: Caros companheiros.
Acabo de chegar a casa vindo de um almoço que reuniu a malta da “Missão Açores” na Quinta da Costa, propriedade do nosso companheiro Manuel Batista, em Aguiar de Sousa, onde passamos uma agradável jornada de confraternização. Abro o PC e deparo com esta triste informação!
Aguardo a todo o momento que o Menino nos dê pormenores sobre o local onde se encontra o corpo, bem como data e hora do funeral.
Em nome de todo o Comando e Tertúlia “LINHA DA FRENTE”, apresento as sentidas condolências á Família.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Voo 2673 UMA PARTICULARIDADE NO VOO 2670.







Costa Ramos
Esp.MMA
Coimbra



Olá Paulo

Uma pequena particularidade, o call sign (indicativo do piloto) do Ten. Egidio Lopes, era "BRVTVS", e no 1º voo experiência, feito em Bissalanca,foi atingido no bordo de ataque da asa drtª por um tiro,que não lhe cortou a alimentação hidráulica dos ailleron's por milagre, isto foi em Dar As Salem.
Curiosidades de outros tempos, mas que não esquecemos,
1 alfa bravo

Costa Ramos
(Director de Placa do Aeródromo Bissaya Barreto)

Voo de Ligação

Voo 2672 FAMÍLIA 1ª69 2ª.SEC. 2ª.ESQª..


Américo Dimas
Esp.Marme “Lobo Mau”
Montijo/Angola

Caro Victor

A fim de ampliar a lista das fotos de recruta na OTA, presentes no
blogue, junto envio-te a foto do meu grupo, 1ª recruta de 1969 - 2ª
Esquadrilha - 2ª Secção.
Legenda: Foto da recruta da 1ª/69, 2ª Secção, 2ªEsquadrilha
Foto:Cortesia de Américo Dimas

Agradeço-te a sua colocação junto das já existentes.

Abraço
Américo

P.S. É pena não conseguir-se melhor resolução, de forma a poder
identificar o pessoal em cada foto.


quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Voo 2671 FESTA DO MÁRTIR S.SEBASTIÃO.








António Dâmaso
Sargº.Môr Paraqº.
Azeitão




A pedido da comissão de Veteranos do Moledo da Lourinhã, passo a divulgar o evento que vão realizar no próximo dia 20 de Janeiro.
Para mais informação, consultar o Programa, em anexo.




quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Voo 2670 UM DIA NA AFAP.








Paulo Moreno
Sol.Fotogº.
Embra
Marinha Grande



Um dia na

«A CASA DE TODOS OS QUE SERVEM OU SERVIRAM NA FORÇA AÉREA
OFICIAIS, SARGENTOS, PRAÇAS E CIVIS»



foi uma agradável surpresa, para além do bom atendimento do pessoal da AFAP, sobressai a decoração do seu interior com vários apontamentos ligados à aviação, e numa das salas de exposições podemos ver o histórico capacete do então Ten. PILAV Egídio Lopes, dos Tigres fundadores da Esq. 121



o seu capacete destaca-se, pela originalidade na pintura.

É na AFAP que se encontra o seu capacete, dos Tigres de Bissalanca!



Nesta foto, e em primeiro plano o Ten. PILAV Egídio Lopes, preparado para mais uma saída nos primeiros anos de operação do FIAT G-91 R4, na Guiné.
Paulo Moreno


VB :Olá Paulo.
Mais um excelente trabalho que nos apresentas. És de facto um vindouro da FAP.
Parabéns!


Voo 2669 OBRIGADO PELA SOLIDARIEDADE.








António Loureiro
Fur.Mil.PA
Figeira da Foz



Dá-me licença senhor Comandante

A DOENÇA MALDITA

Vamos ao médico
Desconfiados
Apesar de tudo
Muito esperançados

Falamos com ele
Surgem interrogações
Aventam-se exames
Exclamações

Fui apanhado
Só me faltava mais esta
Vem a tristeza
Acabou a festa

E as  noites ficam mais longas
E também mal dormidas
Por vezes algumas lágrimas
Não puderam ser contidas

A seguir vem a angústia
Do raio da marcação
Até que recebemos a noticia
Do dia da intervenção

E depois ao acordar
Ainda tontos e doridos
Com sondas, tubos e drenos
No nosso corpo metidos

Logo surgem os amigos
E outros familiares
Com palavras de esperança
Para o astral levantar

E graças à tecnologia
Dedicação e saber
Esta doença maldita
Decerto iremos vencer


Obrigado pela solidariedade
Um abraço


Otão Loureiro

VB: Boa tarde Companheiro. Como é bom receber-te de novo nesta Base depois de saíres do Hangar onde estiveste em manutenção.
Fazemos votos que continues a voar sem limitações, por nós tens a pista sempre livre.
Estes teus versos são uma grande medicação para todos aqueles que se encontram doentes. São de uma coragem que só HOMENS como tu possuem.
Um abraço Loureiro e continuação de um rápido restabelecimento.
https://mail.google.com/mail/u/0/images/cleardot.gif


https://mail.google.com/mail/u/0/images/cleardot.gif

Voo 2668 QUE SAUDADES TENHO DE TI,EMEL.








Luís Martins
Esp.MRÁDIO
Ferreira do Alentejo

Caro Comandante Victor Barata e restantes elementos do Comando, daqui deste cantinho do Baixo Alentejo, mais propriamente desde a capital do azeite que é Ferreira do Alentejo, minha terra natal, os saúdo, assim como toda a família ESPECIALISTA.
Para os Especialistas que passaram pela EMEL, hoje, Centro Militar de Eletrónica de Paço de Arcos, aqui deixo o registo fotográfico da Universidade onde passámos alguns meses da nossa vida militar no curso de formação de especialidade (rádio, radar e electricista), muitos de nós aproveitámos os conhecimentos adquiridos para os aplicar na vida civil, foi sem dúvida uma grande escola.

Legenda: Aqui o edifício do Comando
Foto: Cortesia do Luís Martins


Legenda: O Átrio da parada, tenho como fundo o edifício do Comando.
Foto: Cortesia do Luís Martins.

Perante este facto, é muito importante recordar aquele espaço e visualizar que foi alterado em alguns pontos, nomeadamente, casa da guarda, edifício do comando (onde não existe a porta lateral do gabinete do oficial de dia) e construção de um novo edifício do lado oposto.
Como é agradável recordar aquela Unidade e recuar no tempo para assim no pensamento ter 18 anos de idade.
Por hoje é tudo, um grande abraço.
Luís Martins