sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Voo 2881 PARABÉNS CARLOS BARATA.






Carlos Barata
1º.Cbº PA
Lisboa





Companheiros.




O Carlos Barata completa hoje mais um aniversário.
Em nome do Comando e toda a Tertúlia, desejamos-te um dia muito feliz na companhia de quem te é mais querido.

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Voo 2880 PARABÉNS CRISTIANO.







Cristiano Valdemar
Esp.MMA
Sobreda da Caparica









Companheiros.

O Cristiano Valdemar completa hoje mais um aniversário.
Em nome do Comando e toda a Tertúlia, desejamos-te um dia muito feliz na companhia de quem te é mais querido.

Voo 2879 HOSPEDAGEM NA TERCEIRA.



Fernando Castelo Branco
1ºSargº.MMT
Angra do Heroísmo
Terceira





Caros companheiros, recebi deste nosso camarada a informação que a seguir vos transmito:


Amigo Fernando, tenho:

Dois apartamentos mobilados (com roupa, loiça, TV) e prontos para serem usados. Um é composto por, quarto, sala, (com cama extra, se necessário), wc e cozinha. Outro, com quarto, wc e cozinha grande (refeições). Tem lugar para estacionamento de viatura (parque descoberto). A diária são 15 euros por pessoa.
A morada é estrada corrente das Fontinhas número 86, também conhecido como Cruzeiro Velho. (edifício de côr verde dois andares. a 200m do cruzamento das mercearias, ligação á via rápida Praia/Angra).


Caso saibas de alguém que precise diz
Tel. 295513995 ou Telem. 918948167 / 926875809
 
Abração
Luis Cunha

VB: Mais uma vez o nosso “descalçinho”  a trabalhar em prol da família ESPECIAL como sempre o tem feito da maneira exemplar que todos nós sabemos.
Para além deste contacto,o Fernando informou-me que,mais um esforço para desfrutar-mos de regalias naquela ilha,quem  for á Terceira e queira visitar a BA4 nas Lajes, que o contacte informando a data da chegada ,o nome e números de acompanhantes para que possa requerer o livre transito obrigatório para o efeito.
Obrigado Fernando por mais este importante passo que dás em beneficio dos Zés e não só.


terça-feira, 27 de agosto de 2013

Voo 2878 PRIMEIRA ATERRAGEM DO 707 DA FAP NA BASE AÉREA nº12.





Cristiano Valdemar
Esp.MMA
Sobreda da Caparica




Olá companheiros
Para que o tema Boeing da FAP fique melhor documentado, aqui fica a foto da chegada pela primeira vez à BA 12, em que se vê um dos 2 Fiat G91 que o escoltaram até a aterragem.


Até breve
Cristiano Simões
1ª 68 MMA

VB: Eu aproveitado este “voo” do Cristiano, perguntava aos nossos pilotos de Fiats á época na BA 12,se por acaso se recordam dos camaradas que fizeram esta protecção.


sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Voo 2877 QUEM PODE COLABORAR?






Jaime Regalado
Leitor do Blog





Exmos Srs.

Em primeiro lugar gostaria de felicitar pelo vosso Blog, onde me detenho frequentemente.
Venho de uma família de militares da FA MMA, infelizmente falecidos (O meu pai em 1975 e o meu tio há menos de 2 meses)


Estou a desenvolver um estudo para o Estado Maior da Força Aérea e devidamente autorizado pelo GEN CEMFA, sobre o Alouette III, no âmbito do Cinquentenário.
Tenho algumas questões cujas respostas não se encontram nos documentos. uma vez que se prendem com o dia-a-dia da manutenção e operação destas aeronaves.
Se não se importasse de dispor de algum tempo ou se me indicasse alguém, MMA ou MARME que me pudesse ajudar a esclarecer algumas questões ficaria muito grato.


Com os meus cumprimentos
Jaime Regalado

VB: Caro leitor,antes de mais felicita-lo por ser um leitor assíduo deste nosso humilde espaço.
Depois dizer-lhe que “os nossos filhos também pertencem á Família”.
Por último vamos deixar aqui o seu apelo na expectativa de ver coroado de êxito este seu pedido de colaboraç

Voo 2876 ASSIM SE VÊM OS AMIGOS!.





Victor Barata
Esp.Melec./Inst./Av.
Vouzela







Caros Companheiros.
Quero agradecer a todos, e felizmente foram muitos, os camaradas que se têm preocupado comigo sobre o forte incêndio que tem rodeado o meu local de habitação.
Como vos tenho dito, a situação tem sido catastrófica, desde a morte da bombeira a casas que arderam, no entanto em relação a mim, graças a Deus, tudo se tem mantido bem.
Mais uma vez o ditado:
“OS AMIGOS NÃO SE VÊM,APARECEM NAS ALTURAS PRÓPRIAS”
Mais uma vez a minha gratidão.

Victor Barata

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Voo 2875 4º ENCONTRO DA TERTÚLIA "LINHA DA FRENTE"


 


 
 
Caros Companheiros,

Hoje mesmo acabei de receber informação da Base Aérea 5,local onde se vai realizar o nosso 4º Encontro da Tertúlia “Linha da Frente”, do custo da refeição que será de 12:50€
Gostaria de chamar a atenção para aqueles que ainda se não inscreveram e que queiram juntar-se  em mais este evento, que não deixem para o final, pois a logística tratada atempadamente, é muito mais fácil para todos.
Um abraço.

Victor Barata

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Voo 2874 A VIAGEM.



Paulo Moreno
Sol.Fotog.FAP
Embra
Marinha Grande




Até 1972 o transporte via aérea para todo o território do ultramar
tinha sido assegurado, principalmente pelos “Douglas DC-6,
uma tarefa imensa devido as distancias percorridas, e aos poucos aviões disponíveis
ficam as palavras:
“NUNCA TANTOS, DEVERAM TANTO, A TÃO POUCOS”
devido ao esforço desses pilotos e mecânicos dos aviões de transporte da FAP.


Em 1972 o transporte de militares Portugueses para o ultramar, fica mais eficaz
com a utilização de dois “Boeing 707-3F5C”, adquiridos por parte da FAP.
E é sobre essa viagem, que  muitos militares portugueses fizeram para a Guiné
que podemos ver algumas foto cedidas
dos álbuns fotográficos, do Ex-combatente Sr. Carlos Santos, que com muito gosto, as colocou
ou dispor para divulgação, podemos assim ter mais próximo a visão de alguns momentos
dessa viagem...

 O “Boeing 707” sobre a Ilha do Sal, Cabo Verde

O “Boeing 707” vista aérea na Guiné
Chegada a Bisau - BA-12 Bissalanca

Pessoalmente quero agradecer ao Sr. Carlos Santos, pela disponibilidade e divulgação
dos seus álbuns fotográficos.

Paulo Moreno


Voo 2873 FOMOS E QUEREMOS SER ESPECIALISTAS...



Fernando Castelo Branco
1ºSargº.MMT
Angra do Heroísmo
Terceira
Açores





Excelentíssimo Senhor General "AMIGO" RUIVO


Com respeitosos cumprimentos e agradecimentos, "resolvi" a melhor maneira de transmitir a nossa GRATIDÃO, pelo  seu habitual espirito de “ESPECIAL", estimar os presentes, que sendo poucos, estiveram muitos estando PRESENTE na ausência DOS QUE VOARAM  sem regresso.



Legenda: Da esqª/Dirª.Pedro,Rogério Nogueira,Giestas,Eu (Fernando C.Branco),Gen Pilav. Ruivo, Arlindo (Piriscas) e Elmano.

Foto: Cortesia do Fernando Castelo Branco
Legenda: Durante a refeição com o Rogério Nogueira ao meu lado.
Foto: Cortesia do Arlindo Pereira

Meu General, conhecendo PESSOAS como o Senhor, que felizmente não são poucos, dá gosto termos pertencido a uma arma que para nós foi e será FAP e também, esteve muito bem representado pelos "seus asinhas" e não só, incluindo a ARMADA E O EXERCITO, COMBATENTES e Convidados, no recente DIA 11 de AGÔSTO de 2013 e pela sua DIGNISSIMA presença.
 Termino em meu nome e de todos os ESPECIAIS existentes nestas ILHAS DE BRUMA, CONTINENTE e pelo MUNDO fora, incluindo ÁFRICA, com um respeitoso ABRAÇO.

Fernando C.Branco

VB: O Gen.Pilav. Luis Ruivo,Comandante da Zona Aérea dos Açores,agradeceu assim ao Fernando C.Branco:
“Obrigado.
Grande abraço.
Luís Ruivo”


sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Voo 2872 JUSTIFICAÇÃO DA MINHA AUSÊNCIA.



Santos Oliveira
2ºSargº.Ranger
V.N.Gaia



Caríssimos Comandantes
 Saudações daqui, desde o Reino Unido.
Já “falhei”, por coincidência de Eventos, em Paços de Ferreira. Voltarei a faltar porque o meu regresso está (foi) “antecipado” para 12 de Setembro, o que, naturalmente torna inviável a minha presença.
Os ossos vão dificultando os movimentos até porque a idade já vai pesando. Não sendo este o caso (de hoje, agora, neste momento…) vou ponderando assumir que lidar com deslocações se vai tornar mais gravosa. A ver vamos.
A todos os Companheiros da Base, os Votos de boas férias, pese as “baixas” que nos têm roubado algum alento.
 Abraços, do


VB:Caro Oliveira,era para nós uma grande alegria poder contar com a tua presença,mas a vida nem sempre nos é proporcional a estas coisas.
Um abraço.

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Voo 2871 ÚLTIMO VOO DO CARVALHO.
















Caros Companheiros.
Embora o desejo para que os nossos voos sejam sempre agradáveis no sentido de manter o ambiente que nos tem norteado desde o seu inicio em 2007,momentos á que nos deixa com a lágrima no canto do olho:.
Acaba de nos chegar a triste noticia da partida do Carvalho (penso que era conhecido na Guiné pelo “Fome”) para o seu último voo.
Depois de vos transmitir o aniversário de dois “familiares”,o que nos regozija e alegra,de imediato somos confrontados com esta triste notícia.
Lamentavelmente não temos mais informações, quer da localização do corpo, quer das exéquias fúnebres.
Solicitamos aos Companheiros que possuam elementos mais válidas sobre a partida do Carvalho,o favor de nos informarem.
Em nome de todo o Comando e efctivo desta base, endereçamos os nossos sentidos pesamos á família.
 Estaremos na LINHA DA FRENTE para te dar a saída a justa saída, que terás como companhia a Nª.Sª.do Ar.  

Voo 2870 PARABÉNS ARNALDO.







Arnaldo Sousa
Esp.MMA
Lisboa




 


O Arnaldo Sousa completa hoje mais um aniversário.
Em nome do Comando e toda a Tertúlia, desejamos-te um dia muito feliz na companhia de quem te é mais querido.

Voo 2869 PARABÉNS MÁRIO.


Mário Aguiar
Esp.MARME
Porto

Companheiros.
O Mário Aguiar completa hoje mais um aniversário.
Em nome do Comando e toda a Tertúlia, desejamos-te um dia muito feliz na companhia de quem te é mais querido.

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

VOO 2868 – 4º ENCONTRO ANUAL DA “LINHA DA FRENTE”


NOSSO ENCONTRO NACIONAL DE TERTULIANOS
DA
“LINHA DA FRENTE”


DIA 07 DE SETEMBRO DE 2013


NA BASE AÉREA Nº. 5

MONTE REAL

Boas companheiros “Tertulianos”, deste nosso blog dando cumprimento aos nossos “estatutos”, fazemos a convocatória para o nosso 4º. Encontro, a ter lugar na BA-5, no próximo dia 07 de Setembro de 2013.

Acabamos de ter a confirmação da autorização para que seja realizada nesta unidade da nossa FAP.

Desta vez além da visita guiada, também o almoço será nas instalações da BA-5.

Inscrições: até ao dia 04 de Setembro

Programa:

·         10H00 – Concentração junto porta de armas da BA-5
·         11H30 – Boas vindas pelo Oficial de dia
·         11H00 – Visita á unidade
·         12H30 – Almoço com a habitual presença do Comandante, ou seu representante, onde será entregue uma lembrança da nossa visita

·         17H30 – Saída da unidade.


Solicitamos a todos os tertulianos a sua rápida inscrição, para que possamos dar continuidade aos trabalhos de logística necessários.

Bons voos

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Voo 2867 A CADEIRA MARTIN BAKER.






Arnaldo Sousa
Esp.MMA
Lisboa








Ao revoltar papéis e antes que fossem para o lixo, encontrei alguns de interesse dos quais saliento estes esquemas provenientes da ordem técnica do Fiat G 91 R4, sobre a ejeção em Martin Baker do G91 podendo ver-se as diversa fases da mesma.



 

Já em tempos escrevi um artigo relacionado com uma ejeção na Guiné em que fiz alusão `a Martim Baker MK 4 e suas características técnicas.

















Voo 2866 ALERTA AO F - 16!




Força Aérea intercepta aeronaves. 08 de Agosto 2013 .






A Força Aérea empenhou, no dia 8 de Agosto, uma parelha de caças F-16,de alerta na Base Aérea Nº5 (BA5) – Monte Real – para interceptar duas aeronaves que não respeitaram os procedimentos exigidos para entrar no espaço aéreo nacional.
No âmbito do trabalho diário da vigilância e controlo do espaço aéreo nacional foram identificadas duas aeronaves provenientes de Espanha, que entraram no espaço aéreo nacional, na zona de Mértola, cerca das 10H45, sem autorização dos serviços competentes.
Estas aeronaves não efetuaram os procedimentos de navegação, identificação e comunicação obrigatórios, desrespeitando assim as normas em vigor.
De imediato, a Força Aérea empenhou uma parelha de caças F-16, de alerta na BA5,que intercetou os infratores. Em coordenação com as forças de segurança, os caças acompanharam as movimentações das aeronaves suspeitas, mantendo sempre o controlo sobre as mesmas e aplicando os procedimentos definidos para estas situações.
As aeronaves acabaram por aterrar no Aeródromo de
Lagos, cerca das 12H05, onde eram aguardadas pelas forças de segurança, que a partir daqui tomaram conta da situação.
A Força Aérea efetuou esta missão por solicitação da Autoridade Aeronáutica Nacional.
Origem do Voo:
EMFA

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Voo 2865 A ESQUADRA 751 EM VIDEO.






O cineasta austríaco Paul Wex realizou um filme muito interessante sobre a Esquadra 751 da Força Aérea Portuguesa, intitulado “Rays of Hope – TheMen of Squadron 751”. Foi filmado em HD, tem 7m50s e é imperdível”




domingo, 4 de agosto de 2013

Voo 2864 FALECEU A ESPOSA DO CARLOS ACABADO.


 
 


Carlos Alberto Acabado
Pil.Av.

 






Companheiros, faleceu a esposa do Carlos Alberto Acabado.
O seu corpo encontra-se na  Capela da Força Aérea, Igreja de S. Domingos de Benfica.
Será celebrada missa, amanhã, às 12:30, seguindo o funeral para Évora.
Ao nosso Companheiro Carlos Acabado e sua família, apresentamos as nossas condolências.


Voo 2863 A VIDA DE UM MECÂNICO DE AVIÃO NA LINHA.





 O que é ser um mecânico de linha ? 
Mecânico de linha é aquele que vc vê quando vai viajar , que faz a inspeção na aeronave durante a sua permanência em solo. Para os passageiros, pode parecer apenas um aceno de despedida. Mas, na verdade, o homem que sai de baixo do nariz do avião pouco antes da descolagem, olha para o piloto e agita uma fita vermelha, é um mecânico, comunicando que não há vazamentos nem danos graves, e que as portas estão todas fechadas. Só então o avião começa a taxiar, para levantar vôo rumo à próxima escala.

O aceno é só o último ato da inspeção de trânsito, uma verificação, feita na pista dos aeroportos entre uma escala e outra. Terminada, o mecânico retira o ino de segurança do trem de pouso, onde se prende a fita vermelha, e libera o avião. Esse, no entanto, é apenas o mais simples entre os vários tipos de inspeções por que passam os aviões. Em alguns deles, as naves ficam mais de um mês em hangares especiais, com direito a radiografias, testes com nomes complicados e consertos feitos por robôs de última geração. Agora vamos entender melhor o que faz o mecânico de linha.
A tarefa executada por um mecânico de linha pode variar de acordo com os procedimentos da empresa ou do fabricante da aeronave. 
Antes da aeronave chegar, geralmente já temos algumas informações importantes. São elas: horário previsto para pouso, se o comandante via rádio reportou algum tipo de problema, ou se a própria aeronave comunicou alguma falha (Esse recurso vai depender do modelo de aeronave). 
Durante toda operação de trânsito, compreendida entre o estacionamento da aeronave e o acionamento de motores após Push Back , o mecânico de manutenção é o responsável primário pelas operações em torno da aeronave, sejam elas conduzidas por pessoal de manutenção, rampa, cargas, comissária, limpeza, abastecedor de combustível e colaboradores de aeroportos.

Após o pouso da aeronave, você terá a informação do box de parada da aeronave .Por certo o mecânico deve estar presente no box antes da entrada da aeronave e verificar se há indícios de F.O (Assunto para um próximo post). Esbarramos na primeira questão de procedimentos. Em algumas empresas quando a aeronave é posicionada na aérea remota , o mecânico é quem faz o balizamento, já em outras , uma empresa terceirizada ou a Infraero executam essa tarefa.Com aeronave já posicionada e calçada, a atuação do mecânico, com responsabilidade e atenção, visa proteger quanto a acidentes s pessoas que trabalham na aeronave e no entorno da mesma além de evitar danos matérias na aeronave, reduzir a possibilidade de ocorrências que possam comprometer a operação e a liberação da aeronave. Esta responsabilidade primária deve se refletir no cuidado e atenção com o posicionamento e operação de equipamentos e veículos em torno da aeronave e trânsito de pessoal que trabalha nas áreas críticas e restritas em torno da aeronave.Na foto acima podemos ter uma idéia de quantas pessoas e equipamentos temos que administrar durante a operação em solo.
Inspeção de Trânsito
A inspeção de trânsito (Transit Check) é uma das mais simples, mais tão importante como qualquer outra. Toda empresa tem uma “ficha de roteiro de trânsito“ ( Transit Routine), essa ficha contém as informações de qual componentes devem ser verificados durante a inspeção, ai então começa o famoso Walk Aroud.

“A segurança dos passageiros no ar depende de uma boa manutenção em terra”
Walk Aroud é “caminhar em volta”, seria a inspeção em torno da aeronave. Segue abaixo um exemplo.
Após a Aeronave parada e a anti - colisão desligada, a equipe de solo, irá “calçar” a aeronave e distribuir em pontos específicos os cones de proteção em volta da aeronave. O mecânico instala o pino com a famosa faixa vermelha e o fone de comunicação (onde é feita a comunicação com a cabine de comando).


No exemplo acima, pode ser visto as principais aéreas a serem verificadas quanto a danos, vazamentos, falta de algum componente, acabamentos, portas de acesso e etc.

Essas fichas são cedidas pelas empresas e podem variar de acordo com o fabricante e modelo de aeronave. Após o check por fora da aeronave, vamos fazer o check no interior da mesma, nessa parte são verificados as condições 
internas da aeronave. Esse procedimento também e de acordo com a necessidade de cada empresa. É checado no interior da aeronave, as condições de poltronas, mesinhas, toaletes, sistema de entretenimento e outros. Após isso, verificamos o livro de manutenção, que algumas empresas chamam de “TLB”, mais esse nome pode variarde acordo com a empresa. No livro é verificado se há algum reporte do comandante, caso não, vamos para a outra parte! Se sim, e verificado o reporte e tomadas as ações de manutenção!


Após o check no interior vamos ao abastecimento da aeronave. Nessa o mecânico já tem em mãos o valor do combustível que deve ser abastecida a aeronave, esse valor é passado pelo DOV ou mesmo pelo próprio comandante. Mecânico chama a empresa abastecedora, seleciona no painel de abastecimento o valor desejado que geralmente é em quilos, e o computador faz o seu trabalho (quando selecionado em modo auto). Mais o mecânico tem que estar presente caso o computador apresente uma falha o valor selecionado pode ser ultrapassado, e isso não é muito bom rs. O mecânico deve verificar se não vazamentos de combustível na mangueira deabastecimento, bocal, se o cabo de aterramento está instalado e se o mesmo no local correto. Por incrível que pareça também temos checar, se não há ninguém fumando em torno da 
aeronave, ou usando o celular.Após o termino do abastecimento, verificar se foi retirado todo equipamento da empresa de abastecimento e se foi instalado a tampa do bocal de abastecimento da aeronave. Agora é a hora da aeronave sair, então faremos o check de segurança. Verificamos se todas as portas estão fechadas , se foram retirados parte dos cones de proteção, e novamente a verificação de F.O em torno da aeronave. Já com as escadas ou o Fing desacoplado, acoplamos os equipamento para o push-back. Com tudo isso pronto é comunicado ao comandante via fonia, e o mesmo solicita autorização a torre para nossa saída. Ao mesmo tempo é retirado o restante dos equipamento e o calço da aeronave.
Já com a autorização da torre, o comandante irá informar qual a pista que ele vai decolar.Com essas informações iniciaremos o push-back, durante esse processo temos que verificar se não há nada que possa atingir a aeronave ou causar danos a mesma. Durante a saída o comandante solicitara autorização para girar o motor, nessa hora o mecânico verifica se não há nenhum risco para aeronave e o pessoas próximas do motor, caso tudo esteja ok e liberado o giro do mesmo. Já com aeronave parada na posição de taxi especificado pela Infraero, é retirado todos os equipamentos de push-back. Após o termino do ciclo de partida do motor, o comandante te libera, o mecânico remove o pino com a famosa faixa vermelha, a presenta ao comandante o pino e a faixa dá um tchau para o comandante e termina o seu procedimento de atendimento de aeronave.Nesse poste tentei passar para vocês o “dia a dia” de um mecânico de manutenção de aeronaves. Claro que não é tão

simples

como parece, ne
m sempre a aeronave está ok. O tempo de permanência da aeronave em solo e bem curto,aproximadamente 0:25 minutos. A documentação nunca chega no tempo que deveria, isso quer dizer que as vezes o tempo para abastecimento é curto, pois nessa documentação que consta a quantidade disponível de combustível, são várias atividades acontecendo ao mesmo tempo em torno da aeronave, exigindo a máxima atenção do mecânico. E alguns procedimentos aqui descritos podem mudar de acordo com aeronave ou empresa. Acho que consegui mostrar a vocês o básico de um dia na linha! Um abraço e até mais!  

Nesse video uma demostração de como é importante seguir os procedimentos passo a passo!!







Origem do Voo:
Mecânico de Aeronaves

Voo 2862 PARABÉNS ALVES!






Artur Alves da Silva
Esp.EABT
Lisboa









O Alves da Silva completa hoje mais um aniversário.
Em nome do Comando e toda a Tertúlia, desejamos-te um dia muito feliz na companhia de quem te é mais querido.

sábado, 3 de agosto de 2013

Voo 2861 PARABÉNS VERGÍLIO!






Vergílio Lemos
Esp.MMA
Bragança








Companheiros,
O nosso contemporâneo ESPECIALISTA Vergílio Lemos, completou ontem, vou dizê-lo com muita alegria,94 anos! Não, não estou enganado, foram mesmo 94!!!
Para o próximo ano não pode acontecer esta falha, nesse dia vamos dar-te um abraço.